sábado, 31 de agosto de 2013

Bahia tem 130 mil mulheres a mais do que homens


Pesquisa divulgada nesta quinta-feira (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica que a Bahia tem cerca de 130 mil mulheres a mais do que homens. Até 2030, as projeções do órgão apontam que a diferença entre mulheres e homens no estado pode chegar a 461 mil. De acordo com o coordenador de disseminação de informações do IBGE, Joilson de Souza, um dos motivos é o saldo migratório dos baianos, o maior do país. "A maioria desses migrantes é de homens. Mulheres geralmente deixam o interior para ir para a capital”, explicou ao Correio. A estimativa é que até 2030 saiam 39,3 mil pessoas da Bahia. Outra razão para a dissonância é o alto índice de mortalidade entre os homens. “Na faixa entre 18 e 24 anos, morrem 5,7 vezes mais homens do que mulheres”, conta. Na mesma pesquisa, o IBGE destacou que a população brasileira só deve crescer até 2042, quando atingirá o contingente de 228,4 milhões de pessoas. Em 2060, o Brasil terá 218,2 milhões de pessoas em 2060.B.Noticias. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário