segunda-feira, 30 de novembro de 2009

"PESQUISA APONTA REELEIÇÃO DE WAGNER"-Investindo maciçamente em áreas vitais para o desenvolvimento do Estado, o Governador demonstra que "tem bala na agulha",principalmente junto aos movimentos sociais.

Pesquisa divulgada ontem pelo Instituto Campus, envolvendo um universo de 2587 entrevistado em todo o Estado entre os dias 15 a 23 de novembro, assegura a reeleição do governador Jaques Wagner.
Na mostra espontânea, Wagner aparece com 33,1% das intenções de voto contra 11,6% do ex-governador Paulo Souto. O ministro Geddel Vieira Lima surge em terceiro lugar com apenas 3,4%, seguindo de ACM Neto 1,6%. Já na estimulada, Wagner permanece na primeira colocação com 48,4% dos votos, enquanto Souto surge com 26,4%, Geddel 12,e% e Hilton 1,5%.
O instituto simulou também os resultados para o segundo turno. O governador  lidera, quando confrontado com Paulo Souto, com 56,3% dos votos. Seu antecessor perderia a eleição pois obteria apenas 33,1%.
Wagner ampliaria a vantagem se disputasse a segunda rodada eleitoral com Geddel, sempre conforme o instituto. Wagner dispararia com 61,2%¨contra 23,3% do ministro da Integração Nacional. De acordo com o Campus, no quesito rejeição, Hilton Coelho aparece na liderança com 41,5%, tendo atrás Paulo Souto 19,8%, Geddel 13,7% e Wagner 10,3%. Os entrevistados foram sondados ainda sobre a intenção de votos para a Presidência da República. Lula (que não pode disputar um terceiro mandato) levaria disparado com 33,2%, deixando José Serra com 8,6% e Dilma Rousseff com 7,6%. A pesquisa ainda afere votos para Marina Silva ( 1,5%) e Aécio Neves (1,1%). Quando confrontados Serra e Dilma, o governador de São Paulo sai na frente na pesquisa estimulada com 39%, enquanto a ministra das Minas e Energia fica com 23,7% das intenções de voto. Num eventual segundo turno, Serra bateria Dilma por 50,6% contra 31,6%.. Fonte Tribuna da Bahia,Foto: Google

Nenhum comentário:

Postar um comentário