PÁGINAS

domingo, 28 de dezembro de 2014

Herdeiro da cachaça 51 morre em acidente de helicóptero em São Paulo

A empresa de taxi aéreo Helimarte confirmou em nota, neste sábado, ser proprietária do helicóptero modelo Esquilo, que caiu em Bertioga, litoral de São Paulo, causando a morte de cinco pessoas. Documentos encontrados na aeronave indicam que estavam a bordo o casal Marcelo Müller, herdeiro da cachaça 51, e Lumara Rocha Passos Müller, além de sua filha de 2 anos, Geórgia Passos Müller. Supõe-se que os outros dois corpos sejam de uma adolescente, que seria babá da criança, e do piloto, identificado como Tiago Yamamoto. A família se dirigia a São Paulo para um tratamento de uma virose que menina havia contraído em uma viagem internacional, de acordo com um familiar. Segundo a empresa Helimarte, a aeronave fazia o trajeto Guarujá-São Paulo quando ocorreu o acidente. A empresa informou que a aeronave estava em perfeitas condições de voo e aeronavegabilidade e que colabora com a apuração do ocorrido. "Profundamente compungida, a Helimarte lamenta a perda das vidas dos nossos passageiros e de nosso piloto e se solidariza com suas famílias", diz a nota, equipes do Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos foram enviadas ao local para investigar as causas do acidente.B.Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário