PÁGINAS

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

‘Quero descansar Nilo. Já votei nele e quero que ele me apoie’, diz Isidório sobre eleição na AL-BA


A suposta candidatura de Marcelo Nilo (PDT) à presidência da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) – pela quinta vez consecutiva – já começa a movimentar os bastidores da Casa Legislativa. O principal opositor de Nilo deve ser Pastor Sargento Isidório (PSC), que se apoia em sua votação recorde e no fato de ter sido o deputado com mais eleitores em Salvador. “Eu já lancei minha candidatura, eu acho que qualquer um tem o direito de concorrer. Agora quem vai decidir são os deputados e o governador do estado também tem que entender que eu tenho a capacidade”, disse o parlamentar. Isidório afirma já ter um bloco fechado com mais seis deputados e estar conversando com outros pessoalmente. “Quero descansar Marcelo Nilo. Já votei nele e agora quero que ele me apoie. Pretendo dar mais transparência, coisas boas já foram feitas, mas é preciso continuar a austeridade da casa. Assembleia não é bacanal, tem que ter estrutura e dignidade, os deputados tem que prestar serviço ao povo”, disse o deputado.
Rosemberg pode se candidatarAlém de Isidório, rumores apontam que Rosemberg Pinto, atual líder do PT na casa, pode lançar candidatura, embora esse assunto só vá ser pautado em dezembro. O líder do governo Zé Neto (PT), se esquivou do assunto e diz que o foco da bancada é reeleger Dilma Rousseff (PT), que disputa o segundo turno das eleições neste domingo (26), contra Aécio Neves (PSDB) – da mesma forma que a articulação para a sucessão presidencial da Câmara dos Vereadores foi adiada. “Marcelo tem tido um trabalho bom, mas isso ainda não está na pauta. Por enquanto pretendo eleger Dilma e depois fazer as votações que estão paradas. Em novembro vamos pensar nisso”, disse Zé Neto Por lUiz Fernando Teixeira. Foto: Lucas Franco / Bahia Notícias. Bahia Noticias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário