PÁGINAS

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

CAÇADORES DE CLICKS no FACEBOOK: "Algoritmo do Face vai punir Fanpages. Veja como não ser penalizado"

O algoritmo do Facebook passou por uma importante atualização. Baseada no Google, a mudança adota a mesma linha dura antispam e irá punir quem tenta manipular a otimização do post, definidos como "Click Bait" ou "Caçador de cliques", em português.
Ainda no ano passado, Mark Zuckeberg iniciou um projeto chamado post de super qualidade. Assim, o próprio algoritmo do Facebook pune conteúdos fracos, proibidos e o spam. Porém, esta ultima atualização teve a mudança mais significativa de todas: O sensacionalismo de sites e empresas. Neste artigo, vou explicar passo a passo tudo o que você precisa saber para não ser punido com estas mudanças.
O que não fazer segundo o algoritmo do Facebook
Este exemplo acima é um típico post Caçador de Cliques e é baseado em fatos reais. Ele chama atenção e, ao clicar para ler a matéria, você descobre que o jogador ficará apenas quatro jogos de fora por causa da seleção e de uma suspensão. Outro clássico exemplo é o título "Você não vai acreditar no que esse cara fez".
Estes posts geram curiosidade e mexem com nosso lado neurológico, pois afeta a sensibilidade do nosso cérebro. Sendo assim, nos sentimos obrigados a clicar para descobrir o desenrolar da história. Como tem muitos cliques, o post é otimizado rapidamente, aparecendo para milhares de pessoas. Isto não significa que ele apresenta qualidade ou que as pessoas realmente ficaram satisfeitas ao entrar no site.
Google e Facebook tornaram-se verdadeiros impérios da internet justamente por privilegiar as pessoas. Não por praticarem filantropia, mas por saberem que pessoas satisfeitas permanecem mais tempo no site e geram maior renda neste período.
O ponto principal da mudança é que um levantamento feito internamente pelo Facebook provou que 80% de títulos impactantes levam as pessoas para matérias com conteúdo vago e sem valor.
Como não ser punido pelo algoritmo
O primeiro ponto é escrever textos qualificados. Sendo assim, nenhuma alteração jamais afetará você. E a maneira que o algoritmo do Facebook vai detectar os caçadores de cliques é simples e didática. Primeiro, vai analisar o tempo que você passou lendo o artigo. Depois, vão medir o número de interações (curtir, comentar e compartilhar) do post após o clique.
Caso você continue adotando títulos sensacionalistas levando as pessoas para páginas sem conteúdo algum, seu post e sua fanpage serão duramente penalizados com alcance bastante reduzido. Adnews.

Nenhum comentário:

Postar um comentário