PÁGINAS

terça-feira, 6 de maio de 2014

Programa Estadual de Rastreamento do Câncer de Mama já realizou 118 mil mamografias em 207 municípios

Lançado em 2011 o Programa Estadual de Rastreamento do Câncer de Mama prossegue levando serviços preventivos de saúde às mulheres na faixa etária de 50 a 69 anos em diferentes regiões do Estado. O programa já percorreu 207 municípios baianos onde realizou 118 mil mamografias. “E ele tem um longo alcance, principalmente para aquelas mulheres que não têm acesso a mamografia, que é o exame preventivo e que pode detectar o início da doença. E aí você tem um tratamento muito mais facilitado e a chance de sobrevida é muito grande”. Todos os serviços são gratuitos e a ação é motivo de orgulho para o governador Jaques Wagner, que abre seu programa semanal de rádio falando sobre a importância desse atendimento para preservar a vida de milhares de mulheres na Bahia.

Jaques Wagner faz questão de acompanhar de perto as caravanas do Programa Estadual de Rastreamento do Câncer de Mama nas diversas cidades por que passa. Nesta segunda-feira (4) o governador esteve em Planalto, no sudoeste da Bahia, onde a unidade móvel do programa, que está no município desde o dia 29 de abril e permanece até este sábado (10), já atendeu quase 500 mulheres na faixa etária de 50 a 69 anos, que fazem parte do grupo de risco da doença.
Ele fala sobre o alcance social do Programa de Rastreamento do Câncer de Mama, que foi lançado em outubro de 2011 no chamado Outubro Rosa. “Eu lancei esse programa inclusive ao lado de minha esposa, Maria de Fátima, presidente das Voluntárias Sociais da Bahia”.
Wagner cita a história da própria mãe: “Eu dou o exemplo da minha mãe: hoje ela está com 90 anos e quando tinha 68, teve um problema de câncer de mama e que foi detectado na época. Vinte e dois anos depois ela está, graças a Deus, viva e acabou de completar 90 anos. Portanto, é isso que a gente pretende: dar condição a todas as mulheres baianas de utilizar o serviço, principalmente no interior, na zona rural, àquela mulher mais simples, mais humilde, de menor poder aquisitivo”.
O governador fala sobre o exame e o tratamento: “O exame é feito com maquinário de ponta, o melhor que há em clinicas privadas, e o público alvo são mulheres de 50 a 69 anos. Eu estive em Planalto para acompanhar mais uma etapa e fiquei muito satisfeito com o trabalho de apoio do prefeito e sua equipe de saúde, que aproveitou para fazer quase que uma Semana de Saúde. E lá a gente tem estimativa de realizar 1.400 exames. É claro que nós não ficamos apenas no exame. Se a mamografia detecta algum início de doença em uma mulher examinada, ela já recebe todo o encaminhamento, todo o direcionamento para fazer uma consulta para começar o tratamento e, com isso, eu não tenho dúvida, nós vamos salvar muitas vidas. Então, esse é um programa que me orgulha muito”.
“Nós já rodamos em mais de 200 municípios baianos e vamos continuar fazendo esse rastreamento porque a nossa ideia é exatamente percorrer toda a Bahia e conseguir fazer o rastreamento completo. Já realizamos mais de 118 mil mamografias e eu tenho certeza de que estou contribuindo com isso para dar mais saúde à mulher baiana”, conclui.
Mais estradas
No programa de rádio o governador fala também sobre mais duas cidades baianas - Brotas de Macaúbas e Ipupiara - que vão ser contempladas com a recuperação de estradas: “Nessa área já há um reconhecimento geral do povo da Bahia pela qualidade, pelo volume de estradas que a gente fez: são mais de 7.500 quilômetros. Agora, chegou a vez da gente entregar a de Brotas de Macaúbas e Ipupiara, ligando os dois municípios. É um investimento total de R$ 12 milhões que vai contribuir muito não só para produção”.
“Eu digo que estrada é educação, quando um jovem tem que pegar uma estrada para ir para uma faculdade ou para um curso técnico. Também é saúde, quando alguém que está dependendo de uma intervenção mais complexa em um hospital de uma grande cidade. É desenvolvimento, porque ela também carrega toda a produção da região. Então, para mim é uma alegria nessa sexta-feira ir lá em Macabúbas e Ipupiára entregar a um cinco meia”.
Água para Pindobaçu
No sábado, outro importante programa do governo estadual leva água a mais uma cidade baiana: “É mais uma etapa desse programa que já ficou conhecido até fora da Bahia, que é o Água para Todos, campeão na oferta de água e esgotamento sanitário em toda a Bahia. São 4 milhões em água, um milhão e meio em esgotamento sanitário. A Embasa e a Cerb nunca investiram tanto como nós estamos fazendo – desde uma simples cisterna até uma grande adutora, ou como nós estamos fazendo aqui no Nordeste no programa Águas do Sertão, que efetivamente tem tirado da seca o pessoal todo aqui do Nordeste, usando o lençol freático aqui de Tucano, e agora chegou a vez de Pindobaçu”.
“O investimento é de R$ 1,3 milhão, vai beneficiar aproximadamente 11 mil habitantes e o Água para Todos ao todo, como eu já disse, já ultrapassa a marca dos 4 milhões, em 413 municípios, além do dinheiro também investido em esgotamento sanitário. Por isso que a presidenta Dilma, reconhecendo o alcance desse programa, lançou o Água para Todos nacional. E eu repito: me sinto muito orgulhoso de ter dado um progresso muito grande no acesso à água em toda a Bahia”.
Dia das Mães
Encerrando o programa o governador Jaques Wagner lembra que no próximo domingo se comemora o Dia das Mães: “A mãe de cada um de nós é tudo. Evidente que o pai é fundamental, mas é inegável a presença da mãe na formação de cada jovem. E eu que sou um homem que acredito que a família é fundamental para construirmos uma sociedade de valores. Quero aqui deixar o meu abraço fraterno, o meu carinho a todas as mães baianas, e dizer que tudo que a gente faz no nosso governo é pensando um pouco em vocês. Seja o Minha Casa, Minha Vida, seja uma estrada, seja água, seja uma universidade, um posto de saúde da família... E eu sei que toda a vez que a vida de alguém melhora, que um filho consegue um emprego, é um alegria para a mãe”.
“Acho que Dia das Mães é todo dia, mas tem um dia especialmente dedicado. Não se envergonhe de não ter um presente. Se puder dar um presente, ótimo. Se não, pegue uma flor ali no fundo do quintal e entregue, porque eu acho que o que vale é o gesto e não o valor monetário do presente. Um abraço e feliz Dia das Mães a todas vocês”.
O programa ‘Conversa com o Governador’ é produzido pela Secretaria de Comunicação Social do Estado da Bahia (Secom), veiculado toda terça-feira, às 7h30, pela Rádio Educadora FM 107,5 MHz e reproduzido por vários veículos de comunicação. Está disponível no site da Secom (www.secom.ba.gov.br) e pelo telefone 0800-071-7328.

Nenhum comentário:

Postar um comentário