PÁGINAS

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Vitória dá vexame, perde para o J.Malucelli e é eliminado da Copa do Brasil


O Vitória está eliminado da Copa do Brasil. O Rubro-Negro perdeu nos pênaltis para o J. Malucelli, após empatar em 1 a 1 no tempo normal, em duelo disputado nesta quinta-feira (24), em Pituaçu. Agora, a equipe comandada por Ney Franco volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. No domingo (27), encara o Atlético-PR, no mesmo local.Foto: Felipe Oliveira / VIPCOMM
O JOGO
Precisando de marcar gol, já que o empate em 0 a 0 beneficiava o Vitória, o J. Malucelli tomou a iniciativa do jogo. Aos dois minutos, Camargo carregou a bola, mas foi derrubado por José Welison e o árbitro assinalou falta. Tomas cobrou a falta, mas a bola explodiu na barreira.
Aos sete, Thiago dos Santos experimentou de longe, mas pegou muito mal e a bola foi para fora.
Já o time comandado por Ney Franco. demorou um pouco para chegar com perigo a meta de Fabrício. Aos 12, Hugo foi na linha de fundo e cruzou. A bola passou por toda área e encontrou Dinei. O camisa 9 chutou forte, mas a bola foi para fora.
Vacilo da defesa
O time paranaense desperdiçou boa chance aos 17 minutos. Andrezinho lançou Dedoné. Dão se atrapalhou, mas Wilison saiu do gol e não deu brecha para o adversário.
Vitória busca o gol
Aos 22, o time Rubro-Negro chegou forte. Ayrton cruzou, a bola bateu na defesa e volta para ele. O lateral arriscou o chute e Fabrício fez uma boa defesa.
Três minutos depois, Juan e Willaim Henrique tabelaram pelo lado esquerdo. O atacante escapou da marcação e chutou fraco. Fabrício estava atento e defendeu com tranquilidade.
O Leão continuou pressionando. Aos 28, Marquinhos, livre de marcação, cruzou pelo lado direito. Fabricio não conseguiu chegar na bola e William Henrique, desviou com o gol aberto, mas a bola foi para fora.
J. Malucelli assusta
O time paranaense quase abriu o placar aos 34 minutos. Wellington chutou de longe, mas Wilson fez grande defesa e espalmou para o lado.
Aos 42, Dão vacilou mais uma vez e Andrezinho puxou o contra-ataque. Ele arriscou de longe e a bola passou perto da meta de Wilson.
Segundo tempo
O Vitória começou a etapa final com pressão total. Aos dois minutos, Marquinhos chegou ao ataque, mas chutou para fora. Aos cinco minutos, Cáceres cruzou e Hugo arriscou o chute, a bola explodiu na defesa e sobrou para Dinei. Ele tentou uma bicicleta, mas Fabrício defendeu.
Um minuto depois, bate-rebate na área e a bola sobrou para Ayrton. O camisa 2 chutou de primeira e a bola bateu na rede pelo lado de fora.
Ney Franco muda
Como de costume, Ney Franco fez uma substituição e alterou o posicionamento de Juan. Aos 10, ele tirou Hugo e colocou Euller. Com isso, o camisa 6 do Leão foi para o meio de campo. Logo depois, o comandante Rubro-Negro sacou William Henrique e promoveu a estreia de Caio, recém-contratado pelo Vitória.
Time paranaense abre o placar
O J. Malucelli não se intimidou com a pressão do Vitória e foi para cima. Aos 17, Tomas experimentou de longe e a bola passou perto de Wilson. Porém, aos 20, Leandro Silva recebeu o passe e chutou cruzado, sem chances de defesa para o arqueiro do Leão.
Leão empata
Após o gol sofrido, o Vitória pressionou o J. Malucelli em busca do empate. Aos 30, Dinei recebeu cuzamento na área, cabeceou e Fabrício defendeu. Mas a arbitragem assinalou impedimento. 
O empate só veio aos 40. Após cruzamento na área, José Welison escorou a bola, que passou por Juan. O camisa 6 empurrou e mandou para o fundo das redes.
Cobranças de pênaltis
Nas penalidades, Juan, José Welison, Caio marcaram, enquanto Dinei desperdiçou, após cobrar para fora. Do lado do J. Malucelli, Tomas, Getterson, Evandro Silva e Dadoné fizeram.
FICHA TÉCNICA
Vitóri1 x J. Malucelli
Copa do Brasil
Local: Salvador, em Pituaçu
Horário: 19h30
Árbitro: Ítalo Medeiros de Azevedo (RN)
Auxiliares: Victor Oliveira Cruz (SE) e Eric Nunes Costa (SE).
Gols: Juan (Vitória); Leandro Silva (J. Malucelli)
Cartões amarelos: Tomas (J .Malucelli)
Vitória: Wilson; Ayrton (Nino Paraíba); Luiz Gustavo, Dão e Juan; Cáceres, José Welison e Hugo (Euller); Marquinhos, Dinei e William Henrique (Caio). Técnico: Ney Franco. 
J.Malucelli: Fabrício; Evandro, Leandro Silva, Alex Fraga e Tomas; Wellington, Camargo, Dedoné, Tiago Santos (Getterson); Baiano e Andrézinho . Técnico: Sandro Fórner.por Glauber Guerra.Bahia Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário