PÁGINAS

terça-feira, 15 de abril de 2014

Governo e associações mantêm diálogo sobre plano de reestruturação da PM‏


 Em reunião com representantes das associações de policiais e bombeiros militares, realizada na sede da Secretaria de Segurança Pública (SSP), em Salvador, nesta segunda-feira (14), o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, garantiu rever alguns pontos apresentados aos policiais. Entre os itens propostos para revisão estão o código de ética, o plano de carreira e a promoção na corporação.

“Na quinta-feira passada, apresentamos a proposta do governo e desde aquele momento havíamos falado para todos que estávamos colocando aquilo para apreciação. Eles trouxeram uma análise do material. São propostas que vamos analisar e que estamos dispostos a revisar”, afirmou o secretário Mauricio Barbosa. Nesta quarta-feira (16), mais um encontro será realizada entre o governo estadual e as associações. “O dialogo é o melhor caminho para que haja um avanço. Estamos buscando o melhor caminho para todos. A Policia Militar e sociedade merecem isso”, ressaltou.
O Governo do Estado, que também se comprometeu a criar um grupo de trabalho específico para estudar o sistema remuneratório da PM, emitiu nota pública sobre o assunto. Leia texto na íntegra abaixo.
 O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Segurança Pública (SSP), mantendo o diálogo aberto e franco com as associações representativas da Polícia Militar da Bahia, se comprometeu, após reunião na noite desta segunda-feira (14), a rever os pontos apresentados na proposta de modernização da PM, como o Código de Ética, o Plano de Carreira dos Praças e Oficiais e as promoções na corporação, antes das propostas serem enviadas para a Assembleia Legislativa.
 A citada reunião aconteceu na sede da SSP, com a presença do secretário de Segurança, do Comandante Geral da PM e dos representantes da Associação de Oficiais da PM/BA – Força Invicta (AOPMBA), da Associação dos Oficiais Auxiliares da Polícia Militar (AOAPM), da Associação de Praças da Polícia Militar do Estado da Bahia (APPMBA), da Associação Beneficente dos Sargentos, Sub Tenentes e Oficiais da Policia Militar (ABSSO), da Associação de Policiais e Bombeiros e de seus familiares do Estado da Bahia (ASPRA) e da Associação Dois de Julho. Durante as discussões, já ficou estabelecido um encontro na próxima quarta-feira (16), para receber as propostas das entidades. 
O Governo do Estado reafirma que mantém o diálogo com a categoria e que aguarda as propostas das associações. Informa ainda que se comprometeu a criar um Grupo de Trabalho específico para estudar o sistema remuneratório da Polícia Militar. 

Fotos: Camila Souza/ GOVBA

Nenhum comentário:

Postar um comentário