PÁGINAS

domingo, 9 de março de 2014

Com gol relâmpago, Bahia vence Jacuipense e fica perto da classificação

Com gol relâmpago, Bahia vence Jacuipense e fica perto da classificaçãoO nível do futebol mais uma vez oscilou. Mesmo assim, apesar dos altos e baixos, o Bahia derrotou o Jacuipense por 2 a 1, na tarde deste domingo (9), na Arena Fonte Nova, agora só precisa de mais um ponto para garantir vaga nas semifinais do Baianão. Branquinho com gol relâmpago, aos 10 segundos, e o zagueiro Titi marcaram os gols do tricolor.

Sem poder contar com o zagueiro Lucas Fonseca, expulso, o Bahia volta jogar na próxima rodada contra o Vitória da Conquista, no domingo (16), às 16h. Até lá, mais uma vez, o técnico Marquinhos Santos terá uma semana para preparar a equipe.

Gol relâmpago do Bahia
Marquinhos Santos, durante a semana, disse que gostaria de repetir contra Jacuipense, neste domingo (9), os primeiros 25 minutos da última partida contra o Galícia. Não precisou de tanto tempo assim para o esquadrão abrir o placar. O Jacuipense deu o pontapé inicial. Bola rolada para trás, erro de passe e gol do Bahia. Anderson Talisca pressionou o zagueiro Nei, que entregou o ouro ao adversário. O meia tricolor, de cara para o gol, chutou em cima do goleiro Marcelo e, no rebote, Branquinho empurrou para o fundo da rede. Primeiro gol do jogador no Bahia.

O gol logo no começo da partida deu tranquilidade ao Bahia. A vantagem, porém, não abalou o time visitante. Nos primeiros 20 minutos, mesmo atrás do placar, o Jacuipense teve maior posse de bola e não deu espaço para o esquadrão sair trocando passes. 

Rafinha perde chance incrível e se machuca
O Bahia esteve muito próximo de marcar o segundo gol aos 28 minutos. De novo, após um erro de passe do Jacuipense, o atacante Rafinha arrancou do meio de campo livro de marcação. O jogador, no entanto, surpreendeu negativamente. Tentou o toque por cobertura, mas, ao pegar muito fraco na bola, colocou facilmente nas mãos do goleiro Marcelo.

Rafinha, após o chute fraco, levou a mão na coxa direita, caiu no gramado e foi substituído pelo argentino Emanuel Biancucchi.Jacuipense deixa tudo igual, sem querer, mas Titi desempata
O Jacuipense chegou ao empate, em um lance pra lá de inusitado. Aos 35 minutos, o zagueiro Lucas Fonseca, do Bahia, tentou afastar a bola da grande área e chutou em cima do meia Thiago Alagoano. A bola pegou no joelho do atleta do Jacuipense e foi em direção ao gol, no canto direito de Marcelo Lomba. Tudo igual na Fonte Nova: 1x1.

Antes do intervalo, de longe, Anderson Talisca tentou recolocar o Bahia na frente do placar. O meia bateu de fora e o goleiro Marcelo defendeu. Na cobrança do escanteio, O meia tricolor estava do outro lado da grande área e cruzou rasteiro para onde estava Titi. O defensor, de primeira, bateu e marcou o segundo do Bahia.

Segundo tempo
O Bahia buscou o terceiro gol logo no começa da etapa final. Aos 2 minutos, após falta cobrada por Anderson Talisca, o zagueiro Nei, tentativa de fazer o corte, cabeceou para trás e quase marcou contra. O argentino Emanuel Biancucchi levantou o torcedor aos 11 minutos. Passou por dois adversários e, com um belo passe, deixou Branquinho de frente para o goleiro Marcelo. O jogador do Bahia, entretanto, deixou a bola correr demais e desperdiçou a chance de ampliar o placar.

Aos 13 minutos, ao se estranharem em uma disputa de bola, o atacante Marcel e o zagueiro Lucas Fonseca foram expulsos pelo árbitro Gleidson Santos Oliveira. Pior para o jogador do Bahia que, após levar o vermelho, vai cumprir dois jogos de suspensão: um pelo terceiro amarelo e outro pela expulsão direta.Chance para os dois lados
Não era apenas a defesa do Jacuipense que entregava o ouro ao bandido. Aos 21 minutos, na tentativa de driblar, o volante Rafael Miranda se complicou e perdeu a bola para Bruno. O lateral-esquerdo rolou para trás e, de primeira, Thiago Alagoano finalizou. A bola desviou em Marcelo Lomba, tocou na trave e depois Titi afastou o perigo.

Na sequência, em um rápido contra-ataque, o esquadrão devolveu o susto. Anderson Talisca disparou pelo lado direito, entrou na área e, mesmo sem ser a perna boa, decidiu finalizar em cima do goleiro Marcelo.

E não é que Talisca teve outra oportunidade de marcar? Aos 32, depois de um excelente passe de Uelliton, o meia apareceu sem marcação na grande área. O camisa 22 dominou, pensou e finalizou em cima do arqueiro adversário. Marcão, que pedia o passe, gesticulou bastante e reclamou do companheiro.

Nos minutos finais, em papéis invertidos, Marcão e Talisca fizeram uma bela jogada. O centroavante saiu da grande área, foi até a linha de fundo e cruzou. O jovem meia tentou o toque de cabeça, que determinaria o terceiro gol tricolor, mas não alcançou a bola. E foi só.

FICHA TÉCNICA:
Campeonato Baiano – 6ª rodada
Bahia x Jacuipense
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 09/03/2014
Árbitro: Gleidson Santos Oliveira
Auxiliares: Adailton José Jesus da Silva e Jucimar dos Santos Dias.
Gols: Titi e Branquinho (Bahia) / Thiago Alagoano (Jacuipense)
Cartão vermelho: Lucas Fonseca (Bahia) / Marcel e Meidson (Jacuipense)
Público: 10.927

Bahia: Marcelo Lomba; Madson, Lucas Fonseca, Titi e Guilherme Santos; Fahel (Uelliton), Rafael Miranda, Rafinha (Emanuel Biancucchi), Talisca e Branquinho (Demerson); Marcão. Técnico: Marquinho Santos.

Jacuipense: Márcio Greyck; Meidson, Edinei, Rogério e Bruno (Júnior); Pablo, Dedeco, Thiago (Diego Higino), Da Mata e Jucimar (Daniel); Marcel. Técnico: Emerson Pereira.Bahia Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário