PÁGINAS

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Rosemberg questiona ação do PSDB e dispara contra Gualberto: ‘Está à margem’

Líder do PT na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), o deputado Rosemberg Pinto, não vê autoridade em João Gualberto (PSDB) para interpelar Rui Costa em uma ação judicial. Gualberto, que é ex-prefeito de Mata de São João, acusa o aliado de Jaques Wagner (PT) de usar a máquina pública para enviar, no final de 2013, cartões de felicitação a servidores, vereadores e lideranças políticas, “o que foge das atribuições de Rui e deixa clara a utilização de recursos do Estado para promoção do pré-candidato”, de acordo com o tucano. “Eu acho que Gualberto não é a pessoa mais adequada para falar de processos. Quando empresário, ele não gostava de cumprir acordos coletivos e nós brigamos muito por isso”, contou. Ainda segundo o petista, as críticas que Rui tem recebido por participar de constantes entregas e inaugurações também não são válidas. 


“Rui está exercendo a sua atividade como gestor, e como gestor, ele tem ido a todos os eventos entregar o que o governo está executando. Gualberto, quando era prefeito, participou de várias atividades de entrega também”, relembrou. O envio dos cartões comemorativos, segundo ele, é prática antiga no meio político e não representa propaganda eleitoral. “Todos os parlamentares enviam cartões no dia de Natal, Ano Novo, Dia da Mulher... é uma homenagem a essas datas. Todas as pessoas na área pública fazem isso. Se ele [Costa] não fizer, está errado, está se distanciando do povo”, defendeu. O parlamentar aproveitou a oportunidade e aconselhou o pré-candidato ao governo. “Se ele quer entrar com uma ação, tem que entrar contra todos, inclusive os do PSDB que fazem isso. Acho que ele está ficado à margem das discussões sobre a indicação dos candidatos da oposição e esse ato talvez seja para recolocá-lo no debate”, especulou. O ex-gestor é tido como nome certo na chapa do grupo que se opõe ao governo Wagner. Foto Max Hack. Bahia Noticis. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário