PÁGINAS

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Mulheres têm maior risco de AVC do que homens

Mulheres têm maior risco de AVC do que homens
O público feminino deve ficar mais atento à pressão arterial e à saúde cardiovascular. Segundo as novas recomendações da Associação Norte-Americana do Coração, mulheres de todas as idades correm mais riscos de sofrer um acidente vascular cerebral (AVC) do que os homens. De acordo com o levantamento, as mulheres têm também maiores fatores de risco que favorecem os acidentes cerebrais, a exemplo de enxaquecas, depressão, diabetes e arritmia cardíaca. Os acidentes vasculares cerebrais são a terceira causa de morte entre as mulheres (depois das doenças cardíacas e do câncer), enquanto são a quinta causa de óbitos nos homens. Segundo Cheryl Bushnell, professor adjunto de neurologia no Centro Médico Wake Forest, as mulheres têm riscos específicos devido à gravidez e à utilização de hormônios, como a pílula contraceptiva. As recomendações advertem para a importância de controlar regularmente a pressão arterial, principalmente em mulheres jovens, antes de tomarem contraceptivos e de ficarem grávidas. Um AVC em mulheres apresenta sintomas similares ao ocorrido em homens, como dormência súbita ou fraqueza do braço, dificuldade em falar ou compreender o que dizem os outros. Informações da Agência Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário