PÁGINAS

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Ingerir nozes diminui 33% de risco do câncer mais mortífero, diz estudo

Ingerir nozes diminui 33% de risco do câncer mais mortífero, diz estudo
Ingerir nozes duas vezes por semana pode reduzir em mais de um terço o risco de câncer no pâncreas, considerado o tumor mais mortífero. A pesquisa que traz a informação foi realizada na Harvard School of Public Health, em Boston, nos EUA. No levantamento, foram considerados os diferentes tipos de nozes comestíveis. Segundo os pesquisadores, os resultados, publicados no British Journal of Cancer, oferecem esperança na prevenção de uma das formas da doença com alta taxa de mortalidade. Por ano, cerca de oito mil pessoas no Reino Unido são diagnosticadas com câncer de pâncreas, órgão que tem a função de produzir enzimas que ajudam a “quebrar” a composição da comida e liberar insulina para controlar os níveis de açúcar no sangue. De acordo com especialistas, a causa da doença ainda permanece em grande parte desconhecida, embora os fumantes possam ter risco ligeiramente maior, assim como aqueles que sofrem de pancreatite crônica - uma infecção persistente, muitas vezes provocada por pedras na vesícula. O câncer no pâncreas mata 97% de suas vítimas dentro de cinco anos. Muitos vivem apenas meses com a doença. Informações do Daily Mail.Bahia Noticias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário