PÁGINAS

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Diego Costa diz que carinho na Espanha pesou e pede compreensão ao Brasil

O atacante Diego Costa explicou os motivos que o levaram a escolher a recusar a seleção brasileira e optar pela espanhola. Em comunicado ao site oficial do Atlético de Madri, o atacante diz que mantém o carinho pela sua nação, mas que optou pela Espanha porque é um lugar onde é valorizado e querido. "Repensei e o correto seria jogar na Espanha porque aqui é onde eu consegui tudo. Tudo o que tenho na minha vida eu consegui neste país [Espanha], onde tenho carinho muito especial. Aqui me sinto valorizado por todos e sinto o carinho das pessoas", declarou. Sore a renúncia ao chamado de Luiz Felipe Scolari para os amistosos da seleção brasileira, Diego evitou chamar de "renúncia", minimizando o descarte dos jogos contra Honduras e Chile. "Quero que eles entendam que em nenhum momento eu fiz uma recusa ao Brasil. Simplesmente porque aqui me sinto valorizado. Foi uma decisão muito pensada, mas não foi uma renúncia. Tenho familiares no Brasil, onde nasci e vivi. Espero que as pessoas entendam e respeitem". Segundo apurou o UOL Esporte, a decisão de representar a Espanha começou a ganhar força no mês passado.
O jogador ficou descontente com a decisão de Felipão, que não havia relacionado o atleta para os amistosos da seleção contra Coreia e Zâmbia, na Ásia. UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário