terça-feira, 30 de outubro de 2012

CNJ: Bahia é o 4º pior em número de magistrados por habitante

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) tem a quarta pior relação do país entre magistrados e número de habitantes. São 641 juízes e desembargadores para uma população de 14 milhões de pessoas. A relação, de 4,5 magistrados por 100 mil habitantes, é maior apenas que as dos tribunais de Amazonas, Pará e Maranhão. O dado foi divulgado ontem pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que publicou o relatório Justiça em Números 2011. 
O Distrito Federal, que tem o maior índice, tem 11,8 magistrados para cada cem mil pessoas. A produtividade do TJ-BA também foi um dos destaques negativos na publicação. Na Bahia, em média, cada magistrado proferiu 785 sentenças, número que coloca o tribunal baiano na 20ª posição no ranking nacional. A média nacional é de 1.392 sentenças por magistrado. 
O estado líder no quesito é o Rio de Janeiro, com média de 2.913 sentenças por magistrado. Em termos de custos, o TJ-BA é o 5º mais caro do país, com despesas de R$ 1,55 bilhão, o equivalente a 0,98% do PIB, um pouco acima da média nacional, de 0,6% do PIB. (informações:Correio).

Nenhum comentário:

Postar um comentário