quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Gretchen, a "rainha do bumbum" está trabalhando como garçonete nos EUA

Por ANDRESSA SCAVELLO MASCARENHAS

Conhecida como a "rainha do bumbum" no Brasil nos anos 1980, a cantora Gretchen que emplacou diversos sucessos com suas coreografias rebolativas, foi flagrada em Orlando, na Flórida (EUA), fazendo bico em um café como garçonete.
Ela foi reconhecida por um turista brasileiro, que tirou fotos da cantora e postou-as no Facebook.
O site IG chegou a ouvir a gerente do estabelecimento Netto‘s Cafe, especializado em culinária brasileira, que confirmou a contratação da cantora. "Ela começou a trabalhar aqui ontem (28)", disse Claudia Borba. Segundo informações do agente da cantora no Brasil, Gretchen teria embarcado para os Estados Unidos no mês passado para uma turnê. O site oficial da cantora também traz esta versão.
Diante do fato, o agente de Gretchen no Brasil, Neurandy Seixas, disse não saber sobre a vida da cliente fora dos palcos. "Ela embarcou para uma temporada longa nos Estados Unidos. Foi fazer shows", afirmou.
Gretchen confirmou seu novo emprego a um programa de televisão. "Virei garçonete de uma lanchonete", contou ela, que continuou. "Se tivesse que me prostituir para dar comida aos meus filhos, eu faria".

Fugindo do assédio
A cantora Sula Miranda, irmã de Gretchen, falou ao site IG, que Gretchen teria ido morar nos Estados Unidos "para ter uma vida normal, já que aqui (no Brasil) isso é difícil por conta do assédio". Sula também diz que mantém contato com a irmã, mas desconhece a informação de que ela esteja trabalhando no café e restaurante.
No Brasil, dos anos 1980, Gretchen reinava absoluta como "rainha do bumbum" e seus hits Conga, Conga, Conga e Melô do Piripipi chegaram a vender 15 milhões de discos. Nos últimos tempos Gretchen tinha uma vida artística bem mais discreta, movimentada muito em parte pelos casamentos-relâmpago da cantora, já que atualmente o cenário artístico foi tomado por desinibidas "popuzudas" bem mais jovens que a rainha.
Ela se mudou para os EUA com o ex-namorado, Fernandez, que é americano, mas o relacionamento dos dois chegou ao fim. "Estávamos trabalhando demais", disse. "Não deu certo", declarou. Fonte: Paraíba-Online / Correio*

Nenhum comentário:

Postar um comentário